topo_banner_3Slide thumbnail

E se a sorte falhar??

Compartilhe com amigos

bahiaRealmente foi dia de Bahia neste domingo. Os donos da casa iniciaram a partida imprimindo muita pressão e marcaram logo aos 13 minutos. Infelizmente o tricolor mais uma vez não jogou o que a torcida espera. Contou com a sorte para virar o placar. Pra ser justo, contou especialmente com o pé certeiro de Talisca e da mão escorregadia do goleiro Alex.

O arqueiro tomou aquele ‘frango’ no primeiro gol e não segurou a onda quando Anderson Talisca disparou o morteiro no canto direito e depois no esquerdo. Verdade também que defender cobrança perfeita não seria possível, mesmo com todo esforço.

A virada do placar, sem dúvida, alegrou a fiel galera mas não escondeu as terríveis falhas de criação do time que perduraram durante toda a partida. Mais uma vez vencemos com a ajuda das providenciais bolas paradas.

Nada bom para um time que precisa mostrar ritmo, organização e padrão de jogo. Dispenso a ideia de torcer para surgir uma falta. Gol de bola parada, cá pra nós, é um plus para torcida admirar a plástica das cobranças, não pra virar rotina.

Sendo assim como arrancar o triunfo? Como chegar junto nos adversários?? Domingo tem BaVi. Antes tem a estréia fora de casa na Copa do Brasil contra o Vila Nova, em Minas Gerais.

É preciso muito tutano para dar vitalidade ao time. Esperamos que surjam as jogadas ensaiadas, que mais talentos despontem (que nem o de Talisca) e que os recém chegados valorizem o investimento tricolor.

Enquanto isso vale salientar que apoiamos o movimento #jabasta pra moralizar nosso clube e que cada vez mais possamos ter orgulho de pertencer à uma das mais apaixonadas torcidas do mundo.

Precisa ajeitar tuuudddo Bahêêêaaa.

Bora pra cima tricolor!!!

Compartilhe com amigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *