topo_banner_3Slide thumbnail

Eh, lepo lepo!!

Compartilhe com amigos

Bahêêêa, minha p………!! O grito mais esperado desde o ano passado eclodiu nesse domingo de sol, de paixão, de azul, vermelho e branco, em pleno PituAÇO, que é nosso, mesmo que tenhamos sido obrigados a nos espremer em 10% dos lugares. Apertados mas nem um pouco acanhados. Soltamos o grito de incentivo bem antes de começar a partida. Colocamos a charanga pra funcionar e invadimos o espaço. Sem mando de campo, poucos ingressos à disposição. Nada disso importou, nada brecou nossa alegria e paz de espírito. O que vale mesmo é que temos a honrosa e justa oportunidade de comemorar o 45º titulo baiano. Parabéns a nós!!

Bahia-campeao-baiano-2014-gazeta-press-foto-625164-615x400A Nação é fiel e com muitíssimo orgulho dormiu na fila para garantir o ingresso e ampliar os feitos pelo time. “O sacrifício é necessário, pai. Vou permanecer 12 horas na fila e tirar a foto pra mostrar a meu filho quando ele crescer pois ser Bahia é entrega total”, disse-me um apaixonado torcedor, sem se incomodar que perdeu aquela noite. Mas hoje ele pode dizer que ganhou o dia, o título do ano, que resgatou a autoestima e a essa hora deve estar rouco de tanto repetir o  grito de guerra.

Cada vez mais unida está nossa torcida que revolucionou a história recente do Bahia, batalhou pela intervenção, conseguiu eleições diretas e pôde opinar e participar diretamente das decisões. Agora só motivos pra comemorar. Antes da entrega da taça, lá estava ele para abraçar a equipe, o interventor Carlos Rátis, que moralizou as contas e colocou em ordem uma casa que estava de pernas para o ar.

Nossa torcida deu exemplo para o mundo do futebol mostrando que é possível se organizar, exigir melhorias para o clube, aplicar corretamente os recursos, prestar as contas com transparência e, acima de tudo, conjugar o verbo mudar.

Após a partida do título, os jogadores disseram que esse é o primeiro do novo ciclo, da retomada de uma fase de motivação que vai prosseguir ainda essa semana em outras disputas pela Copa do Brasil.

Os atletas destacaram a união, a força de vontade pra chegar até aqui. Fahel, Lomba, Titi e Talisca se revezaram no discurso simples que anima ainda mais a torcida.

Em PituAÇO vivenciamos uma partida eletrizante com sabor insuperável que  não dá pra esquecer. Nosso paladar exigente quer mais, muito mais. Nosso time do coração nos deu novamente uma alegria sem tamanho que explodiu nas ruas, nos bares, no alto dos prédios, nas sacadas, nas janelas de ônibus e carros. Tudo é Bahia. Uma rima fácil com alegria, com festa, com .. como é mesmo a música do Carnaval 2014??

Ah, é lepo, lepo…..

Bora Bahêêa, Campeão!!

Enquanto escrevo, lá embaixo, o buzinaço acontece em ritmo contagiante. Me chamando, acho. Vou terminar rápido pra me juntar à festa. E cantar também o lepo lepo.

Chegou nossa vez tricolor. Só dá Bahêêêaaaaa!

Compartilhe com amigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *