topo_banner_3Slide thumbnail

O Bahia jogou bem e…acabou!

Compartilhe com amigos

Saímos de um jejum de três partidas e o melhor: em grande estilo. O placar elástico na Fonte credencia o tricolor a sonhar com uma vaga nas finais da Copa do Brasil. Resultado bom para todo mundo. Para o torcedor, que encheu a arquibancada e não tolerava mais guardar o grito na garganta, para Guto Ferreira que suspira aliviado e para Edigar Junio, que bateu a marca de maior artilheiro da Arena Fonte Nova, desde a reinauguração em 2013. Ano de Copa do Mundo, bacana valorizar o passe do nosso atacante, mas torço para que ele não nos deixe na mão…

O time de Guto desarmou o Vasco. Veloz, rítmico e com matadores na frente, arrepiou no ataque, investiu sem pena contra a rede de Martin Silva e carimbou três vezes. Zé Rafael e Vinícius completaram a súmula.

Agora sim. Dá vontade de não parar mais de acompanhar o Bahêa. Tudo a ver com a energia da Nação Tricolor. Uma performance como todo torcedor sonha, né não? Vamos combinar que é disso que precisamos para garantir mais três pontos contra o São Paulo, no domingo das Mães, pelo Brasileirão.

Ah, e outro pequeno detalhe que nos anima é que agora o Sócio Esquadrão vai ter cerveja mais barata. Imagine aí? O marketing do Clube estimulado por Jotinha viralizou nas redes sociais e motiva ainda mais a torcida. Valeu a sacada! Vamos lá, precisamos empurrar pro gol nossas expectativas…

Agora pra todo time que está ganhando e com essa vontade que vimos contra o Vasco, vale a dica: a humildade, sem dúvida, é a melhor companheira. Nada de seguir o ritmo da coreografaia de “tira o pé do chão”. Ao contrário, sapatinho rasteiro para evitar sair dos trilhos. Assim, dá pra seguir embalado…. e, de preferência, com muitos gols para comemorar. BBMP!!

Compartilhe com amigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *