O deputado federal Bacelar (Podemos) prevê prejuízos para o Brasil e os trabalhadores do país, caso seja aprovada pela Câmara dos Deputados a lei que pretende liberar os jogos de azar para exploração dos grandes cassinos americanos. “Nós convivemos há mais de um século com o jogo clandestino, onde vivem na ilegalidade mais de 400 mil pais e mães de família, nas várias modalidades. Se isso acontecer, certamente, nossa economia será ainda mais afetada, porque os recursos gerados demorariam quatro anos para começar a entrar e os trabalhadores continuariam sem nenhuma proteção social, à margem da lei. Essa sim, seria uma aposta contra o Brasil”, alerta Bacelar.

O líder do Podemos na Bahia defende a aprovação do substitutivo ao projeto de lei 442/91, que poderá gerar cerca de R$ 18 bilhões anuais aos cofres públicos. “As empresas nacionais também poderiam operar as modalidades, gerar mais lucros e contratar mais. No entanto, os partidos que querem levar mais riqueza para os norte-americanos, votam contra. O que me preocupa é a formalização da mão de obra que vive na clandestinidade e a busca de recursos para um país que deixou de arrecadar todo esse tempo. Já com a legalização que muitos pregam, o valor seria transferido para longe. Essa seria a solução para um Brasil em crise?”, questiona Bacelar.

Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Receba as atualizações do Deputado 
direto em seu email




Deixe uma resposta

Fechar Menu