Capa_Site (1)

Bacelar alerta para risco ambiental em Abrolhos e critica ações de Bolsonaro no setor

Compartilhe com amigos

Reprodução da internet

m No Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado nesta quarta-feira ( 05), o deputado federal Bacelar (Podemos-BA) subiu à tribuna da Câmara para defender a preservação do Parque Nacional de Abrolhos, no sul da Bahia. O local tem a maior biodiversidade oceânica do país e estaria ameaçado pelo leilão de blocos de petróleo na região, autorizado pelo Ibama no início de abril. “O relatório elaborado pela própria equipe técnica do Ibama foi ignorado. Abrolhos corre sérios riscos de ser contaminado com vazamento de óleo. Além disso, a movimentação de embarcações pode interferir na vida marinha do local, refúgio de baleias Jubarte e de espécies de tartarugas marinhas em extinção. Parece que querem acabar com essa riqueza ambiental “, protestou.

Bacelar destacou que um levantamento do ministério do Meio Ambiente registrou aproximadamente 1,3 mil espécies na região, 45 delas consideradas ameaçadas. Segundo Bacelar, os primeiros cinco meses do governo Bolsonaro foram desastrosos para o meio ambiente. “O novo código florestal, o fim das reservas legais, o enfraquecimento do ministério e a licitação em Abrolhos comprovam isso. Bolsonaro, que está acabando com a educação, quer acabar também com a flora e fauna brasileiras. Ele quer destruir o Brasil”, atacou.

O parlamentar chamou a atenção também para os impactos no turismo, na região de Abrolhos, com o risco de dano ambiental. “O fluxo de turistas no parque é fator de geração de emprego e renda. O número de visitantes brasileiros e estrangeiros cresceu 86% nos últimos anos, mas pode ficar prejudicado com essa atitude do governo. Não podemos deixar isso acontecer”.

Compartilhe com amigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *