b9e64bcac9a7527c9789df93c13d6047
Grupo de jovens que luta pela defesa dos direitos das crianças indígenas.

Atendendo ao pedido de um grupo de jovens que luta pela defesa dos direitos das crianças indígenas, o deputado federal Bacelar (PTN-BA) declarou apoio à aprovação da Lei Muwaji, que prevê o combate às práticas tradicionais contra a vida de povos tradicionais.

Recentemente, foi divulgado um relatório sobre a violência contra indígenas, no Brasil, com resultados preocupantes.  A mortalidade infantil em algumas áreas ocupadas por índios, a exemplo do Vale do Javari, na Amazônia, chega a ser uma das maiores do mundo, onde crianças são vítimas de infanticídio. Estima-se que centenas delas acabam enterradas vivas por motivação cultural, quando nascem portadoras de alguma deficiência e, se nascem gêmeas, são consideradas amaldiçoadas. A mutilação genital feminina e o matrimônio forçado com pouca idade estão também entre as práticas registradas no relatório. “Temos que preservar a vida. Não importa se é questão cultural ou não. É nossa obrigação reconhecer o direito à vida, inerente a toda criança”, defendeu o deputado Bacelar.

Compartilhe com amigos
Receba as atualizações do Deputado 
direto em seu email




    Deixe uma resposta