Pac Carreira Juridica

No encontro com os presidentes dos sindicatos dos delegados de polícia da Bahia, do Rio de Janeiro e do Piauí, nesta terça-feira (7), na Câmara, o líder do PTN, deputado federal Bacelar (BA), defendeu a equiparação salarial entre as carreiras jurídicas. Os sindicatos buscam apoio no Congresso Nacional para a aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 443, que prevê o fim das diferenças salariais entre os advogados da União, procuradores estaduais e de municípios com mais de 500 mil habitantes, defensores públicos e delegados federais e estaduais. A proposta estabelece que o maior salário dessas carreiras será equivalente a 90% do salário de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), que hoje é de R$ 28 mil. Aprovada em comissão especial, a PEC aguarda votação em plenário.

O líder do PTN disse que vai propor a votação da PEC 443 na reunião do colegiado de líderes, na próxima semana “ Esses profissionais exercem posições essenciais ao funcionamento da Justiça. Por isso, eles merecem tratamento igualitário. Vou lutar para que a PEC seja aprovada, dando fim a essa disparidade salarial. A eficiência nos ritos judiciais, agora, depende do Congresso”, afirmou .

Compartilhe com amigos
Receba as atualizações do Deputado 
direto em seu email




    Deixe uma resposta