audiencia

O deputado estadual eleito deputado federal João Carlos Bacelar (PTN), afirmou na audiência pública para avaliar e encontrar soluções para as denúncias de irregularidades nas relações de trabalho feitas pelos dirigentes e operadores da Associação dos Trabalhadores em Call Center do Estado da Bahia (Atracall), que a partir de 2015 irá lutar pela regulamentação da profissão na Câmara Federal.

Além disso, ele disse que irá oficiar os órgãos de fiscalização como Delegacia Regional do Trabalho, Secretaria estadual do Trabalho e da Saúde, a fim de adotar as medidas necessárias acerca das denúncias de maus tratos, assedio moral, falta de condições de trabalho relatadas num documento elaborado pela Atracall, discutidas na sessão da Comissão de Defesa do Consumidor.

Existem em todo Estado cerca de 40 mil trabalhadores em call center, que, segundo os dirigentes, passam humilhações no campo profissional e têm seus empregos constantemente ameaçados. A categoria é majoritariamente constituída de jovens de 18 a 25 anos, não tem profissão regulamentada e sofre com as demissões em massa, que chegam até ao desaparecimento de empresas sem honrar o passivo trabalhista. De acordo com Bacelar, um primeiro momento é discutir a situação dos trabalhadores no Estado e, posteriormente, tratar da questão da regulamentação da profissão à Câmara dos Deputados.

Compartilhe com amigos
Receba as atualizações do Deputado 
direto em seu email




    Deixe uma resposta