O presidente do Podemos na Bahia, deputado federal Bacelar, se mostrou surpreso e indignado com a nota divulgada na edição desta terça-feira (7), da coluna Raio Laser, do jornal Tribuna da Bahia, intitulada “Surpresa”. A nota especula a possibilidade de o Podemos deixar a base aliada do governador Rui Costa (PT) para apoiar uma possível candidatura do prefeito ACM Neto (DEM) ao governo do estado, sem ter ouvido a presidência ou a executiva do partido. “O bom jornalismo pede a apuração dos fatos, ouvindo os atores envolvidos. Em nenhum momento fui procurado pela Tribuna para falar sobre o assunto. A nota usa aspas de uma fonte sem identificação, o que fere o princípio da transparência. Já conversei com as lideranças do partido e ninguém confirma ter sido a fonte. Então, tudo leva a crer que é mais uma notícia plantada pelos nossos adversários, na tentativa de atingir o favoritismo do governador para 2018. O mínimo que o jornal poderia fazer seria se retratar”, reagiu Bacelar.

O deputado lembrou do episódio que levou o ex-PTN, atual Podemos, a romper com Neto e migrar para a base de Rui. “Parece que o jornal não se recorda do rompimento traumático, em que o nosso partido foi traído e viu seu projeto político ameaçado. Fomos bem recebidos pelo governador, que tem cumprido a palavra com a base aliada. Portanto, não há motivo nenhum para deixarmos a posição em que nos encontramos, até porque faço oposição a Temer, que tem prestado um desserviço à Bahia, atendendo a pedidos do DEM para barrar verbas destinadas à melhoria da qualidade de vida dos baianos”.

Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Receba as atualizações do Deputado 
direto em seu email




Deixe uma resposta

Fechar Menu