por João Carlos Bacelar

Havia 13 anos que o Bahia não vencia o Flamengo em Salvador. Esse tabu caiu por terra na noite dessa quarta-feira quando o tricolor aplicou 3 x 0 no rubro-negro carioca. Muito superior em campo marcou dois tentos na primeira etapa e soube administrar todos os setores para anular as jogadas adversárias, marcar mais um e garantir a segunda colocação na Tabela.

A vice-liderança conquistada com o resultado é fruto de muito trabalho e dedicação da equipe que está aplicando com talento a disciplina tática desenhada por Cristóvão. A movimentação da equipe acontece por todo o gramado, em bom ritmo, com marcações certeiras, variação de jogadas e autoestima suficiente para avançar nas tentativas de gol. Por pouco não marcamos mais.

Fernandão, Wallyson e Marquinhos Gabriel fizeram a alegria da torcida e consolidaram a certeza de que o time já se adaptou à Arena, ganhando cada vez mais espaço e força em seu mando de campo.

Velho templo

Nova Fonte

Novíssimos tempos

A dinâmica melhor em campo nas últimas partidas devolve a confiança antes adormecida ao torcedor. Estamos há um ponto da liderança e isso mexe com o coração tricolor combalido no início da temporada. Respiramos ares mais amenos, com cheiro de calmaria.

E ontem circulou com força a notícia da venda de Titi para a Turquia. O interventor Carlos Rátis analisa a proposta e está decidindo nesses próximos dias o futuro do jogador junto com os agentes dele e o diretor de futebol do Bahia. Vai fazer falta nosso comandante de zaga, mas futebol profissional se joga assim. É isso aí, Rátis. Tem que estar atento. Defender, cabeçear, chamar a torcida pra junto, avaliar as possibilidades e ofertas com calma e já pensar como aplicar bem o que chegar aos cofres para capricharmos em nosso plantel.

A ideia desde sempre é manter um bom elenco, melhorar a capacidade técnica e ampliar o diálogo com o torcedor.

Estamos caminhando com segurança na direção de paragens mais produtivas, para honra e glória de quem ama o Bahia, cada vez mais seguro de si e com vontade renovada.

Salve Esquadrão! Temos uma semana para afiar a pontaria antes de encarar o Atlético paranaense fora da Fonte mas com toda a energia que emana de nossa mágica Bahia.

Agora é hora. Vamos continuar entoando nosso grito de guerra:

Bora Bahêêêaaaaaaaaaa……

Fonte:Portal Bahiacomorgulho.com

Compartilhe com amigos
Receba as atualizações do Deputado 
direto em seu email




    Deixe uma resposta