Depois de votar contra o projeto da terceirização irrestrita nas empresas, o deputado federal Bacelar (PTN-BA) teve a postura reconhecida pelo presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Vagner Freitas. Em uma carta de agradecimento, o líder sindical diz que “o esforço de Bacelar foi fundamental para constranger parlamentares que jogaram uma pá de cal nos direitos trabalhistas, garantidos desde a criação da CLT”. A CUT aproveitou para pedir que o petenista vote contra as reformas trabalhista e previdenciária. O deputado reafirmou o compromisso com a categoria. “Sinto-me lisonjeado por tamanho reconhecimento. Meu papel é defender a classe trabalhadora, que tanto se dedica ao desenvolvimento deste país. As reformas ofendem a CLT e a Constituição. Não podemos permitir tamanho descaso com a sociedade brasileira”, declarou.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

TALVEZ VOCÊ GOSTE TAMBÉM

Deixe uma resposta

Fechar Menu