Em apoio aos profissionais de enfermagem o deputado Bacelar (Podemos/BA) participou, na manhã desta terça-feira (8), de uma ampla mobilização pela aprovação do piso salarial da categoria e fixação da jornada de trabalho em 30 horas. A caminhada, que reuniu centenas de profissionais, começou no Porto da Barra e terminou no Farol da capital baiana. O parlamentar lembrou que a categoria é essencial na estrutura da saúde, em todos os níveis, é precisa de reconhecimento.  

 “Os profissionais de enfermagem são 70% da força de trabalho do SUS. Repensar os salários e os rumos da enfermagem é repensar o Sistema único de Saúde e as condições de trabalho que esses profissionais que estão à frente da saúde para os brasileiros. É, também, melhorar o compromisso com a população” defendeu Bacelar.  

O PL 2564/20 tramita na Câmara e prevê remuneração mínima de R$ 4.750 para enfermeiros, R$3.250 reais para os técnicos de enfermagem e R$ 2.375 para auxiliares. “A aprovação do piso salarial da enfermagem é um compromisso com a ampliação do acesso a serviços de saúde de qualidade para toda a população. Essa agenda não é só dos profissionais da enfermagem. Ela é da sociedade brasileira.” 

Bacelar defendeu que o parlamento não tem motivos para rejeitar a proposta já que os custos serão menores do que os previstos.  “De acordo com a estimativa do Ministério da Economia, a fixação de um salário mínimo para as categorias terá um impacto de R$ 15 bilhões para o setor público nas esferas municipal, estadual e federal. Inicialmente o governo previa custo de até R$ 50 bilhões.” completou.

Compartilhe com amigos
Receba as atualizações do Deputado 
direto em seu email




    Deixe uma resposta