Prédio histórico de arquitetura imponente do século XIX e que trazia em todo seu esplendor muito da herança cultural dos soteropolitanos. De nosso povo remanescente dos quilombos que ocupavam o Engenho Velho de Brotas e dos moradores de toda Salvador que não escondiam o encanto ao se depararem com a construção deslumbrante pintada em cor de ouro além de toda a história que emana das árvores que circundam o Parque. O Solar já foi utilizado como Hospital Psiquiátrico, Prefeitura de Salvador e em 1993 foi cedido pelo Estado, dono do sobrado, para funcionar como Secretaria Municipal de Educação.

O Solar Boa Vista foi residência da família do poeta Castro Alves que, por lá viveu dias de intensa produção literária, inspirado pelo tronco e instrumentos de tortura que encontrou na área antes destinada ao fabrico de açúcar com mão de obra escrava. Certamente que o baiano ilustre se embasou no que viu para elaborar os poemas abolicionistas que ganhariam o mundo. Transitar por ali significou para muitos estar em contato com a história viva da Velha Bahia. Mas, outros personagens entraram em ação a partir da noite de três de janeiro de 2013. Os moradores do entorno, os motoristas que trafegavam pelo bairro, os servidores da Secult que correram ao local ao saber das primeiras notícias do incêndio. Todos juntos formaram uma corrente torcendo para evitar que o prédio fosse abaixo. As cenas foram chocantes. Ver as labaredas invadindo as arcadas, consumindo o telhado… Infelizmente o Solar foi parcialmente destruído.

Embora tudo tenha ocorrido de forma tão rápida e tão triste, menos de 10 horas depois as atividades da Secult voltaram a acontecer. As equipes da reforma física saíram para acompanhar as obras nas escolas, as matrículas dos alunos antigos prosseguiram e o processo de matrículas para alunos novos foi mantido em seu cronograma normal com abertura para a segunda-feira (7/1). As atividades, portanto, não foram interrompidas.

O amor, a competência e o engajamento de toda equipe da Secult servem de exemplo de superação a ser seguido por muitos. Tenho que agradecer a cada um dos servidores que vestidos de comprometimento e dedicação passaram por esse duro teste e revelaram que eficiência, rapidez e empenho são capazes de transformar um instante. Uma prova angustiante que nos serve a todos de lição: podemos sempre mais do que imaginamos….

O avanço tecnológico e os cuidados rotineiros adotados dá-nos a certeza de que a quase totalidade de arquivos, processos e documentos da Secretaria esteja a salvo. Além disso, as informações residuais que possam ter queimado serão reconstituídas. Parabenizo, de público, toda à nossa prestimosa equipe, que nesse início de gestão, conseguiu reverter a situação negativa que nos pegou de súbito e, igualmente de forma fulminante, começou a ser superada. Com uma equipe dessas é possível, sim, colocarmos a educação em primeiro lugar.

Artigo originalmente publicado no site politicalivre.com.br 

Compartilhe com amigos
Receba as atualizações do Deputado 
direto em seu email




    Deixe uma resposta