Defensor da permanência da presidente Dilma no comando do país, o deputado federal Bacelar (PTN-BA) lamentou a decisão do Senado pela admissibilidade do processo de impeachment. Para o parlamentar, o afastamento da presidente abre um precedente perigoso para alguns governantes. “É uma decisão que fere a democracia brasileira e coloca em xeque alguns governadores que praticam um novo modelo de pedalada fiscal. Estados como o Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro, por exemplo, já gastam mais de 60% do Orçamento com o pagamento da folha de pessoal. Se Dilma foi punida por pedaladas, como serão tratados esses governadores?”, indagou.

Sobre o novo governo Temer, Bacelar preferiu o tom moderado. “Não faço o jogo de torcer contra só porque a minha posição foi derrotada. Torço pelo Brasil. Torço para que o novo governo dê certo”, afirmou.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

TALVEZ VOCÊ GOSTE TAMBÉM

Deixe uma resposta

Fechar Menu